(performar)

abrir-se
mostrar-se ao outro
amarrar-se
minhas estórias para eles
amanhecer de si
e anoitecer do outro.